segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Da TV para Interlagos, part 1: a primeira lembrança.

A lembrança mais antiga da minha vida é o fdp do Alain Prost levantando a placa de campeão no Japão em 1989 - ou talvez quando meu primo de Itajobi caiu do muro na casa da minha vó em Aspásia, mas não sei bem quando foi. A data que o mundo me ajuda a lembrar é daquele francês do nariz torto erguendo a placa. Eu tinha seis anos à época e estava à frente da TV na madrugada torcendo pelo Senna.

É praticamente impossível que eu tivesse real noção da história polêmica que decidiu o título a favor de Prost, mas aquilo de alguma forma me deixou puto e foi marcante a ponto de me lembrar até hoje daquela TV Semp Toshiba com os botões ao lado direito da tela e essa maldita imagem:

durante muito tempo achei que essa imagem fosse obra de minha imaginação.

Alain Prost deve agradecer até hoje ao Sr Jean-Marie Balestre, dois filhos da puta.

Let's Rock! >>> Ryan Adams - Enemy Fire

Nenhum comentário: