quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Ostentar a fibra

Hoje, quarta-feira, tô em transe! Só penso no sábado. Na verdade, há duas semanas sonho com o próximo sábado. É o encontro com um amor de família, passado de geração por geração. É um sonho de criança prestes a ser realizado. Daqui a 76 horas, estarei diante da tradição, da história.


E, tenho certeza, jamais esquecerei do dia quatro de outubro de dois mil e oito, a primeira vez que vi o Palmeiras entrar em Palestra Itália. Um momento de magia, júbilo e regozijo defronte a esquadra alvi-verde.


A intenção é conhecer a atmosfera da versão original do Palestra Itália, antes que as construções da nova ARENA PALESTRA interditem o estádio que vibrou com Jair da Rosa Pinto, Julinho Botelho, Ademir da Guia, Evair, São Marcos e tantos outros craques.


Dia 04 eu vou chorar. Já estou quase chorando agora...



Let’s Rock! >>> Goldfrapp - Happiness

4 comentários:

Marcelo Urânia disse...

No domingo, qdo voltar, conto as aventuras de Marcelo e Zelu por sampa. em detalhes. vai ser lindjo!

Túlio disse...

cara, capricha lá. Eu tô louco pra ver o jogo aqui contra o Argentino Jrs. no estádio de nome "Diego Armando Maradona"! hahaha

Maira disse...

Marcelo, deixa de ser dramático...hahahah!

Marcelo Urânia disse...

hahahahahahaahaa!
hahahahahahaahaa!
hahahahahahaahaa!