segunda-feira, 7 de julho de 2008

Trilogia das Sacolas, parte 1: o sopão

A tarde desta segunda-feira reservou algo inusitado: vontade de cozinhar. Então fiz alguns telefonemas pra mó de pegar umas dicas rápidas, passei no mercado e entrei no 507 com uma sacola repleta de ingredientes para um SOPÃO.

Pois bem, havia na sacola um pedaço de carne, um montinho de cheiro verde, três batatas pequenas e o sopão knorr. Tudo pensado para atender aos três requisitos básicos da vida de solteiro: gastar pouco, sujar pouca louça e fazer o mínimo de esforço.


Item 1: a sacola
Pendure a sacola num local próximo para colocar os dejetos e jogar fora na manhã seguinte, senão apodrece e fede para caraleo.


Item 2: a carne
Compre o bife mais barato entre os bonitos. Não se preocupe com picanhas, contra-filés e adjacentes. Lembre-se que para boas carnes existem churrascarias e churrascos de família. Compre a barata, desde que bonita. Uns 200 gramas já dá pra enganar.


Item 3: o cheiro-verde
Tempero, bicho. Homem que é homem valoriza um sabor mais aguçado. Na dúvida sobre o quê pode dar um gosto diferente ao seu miojo, leve cheiro-verde. Não tem erro. O cheiro-verde é composto por três coisas verdes picadinhas, uma delas é cebolinha. As outras desconheço.


Item 4: batata
Só pra dar um efeito de sopa da mamãe, vasta, cheia de delícias quentinhas. Comprei três pequenas, pra na hora de descascar não ficar um rodela gigante.


Item 5: sopão
Comprei o Knorr, mas pode ser qualquer um. Isso não é miojo, ein. É sopão. Se ligue em quantas porções faz o saquinho, se for comer sozinho pegue o que faz quatro pratos que será suficiente. Eu prefiro sabor carne.




hummm... saca tudo de cozinha esse rapaz!


Modo de preparo:

Ligue o som nas mais tocadas do seu iTunes. Abra uma cerveja - não há graça numa cozinha sem cerveja. Jogue metade do cheiro-verde logo na panela, senão você vai esquecer. Pique a carne em tirinhas usando a colher e o prato que você vai comer a sopa, coloque na panela e a deixe em fogo baixo. Fique mexendo - com a mesmo colher - até perceber que tá bacana. Não coloque óleo, isso é coisa de mãe. Quando a carne parecer assada e o cheiro-verde meio esquisito, coloque em fogo alto, despeje um litro d'água, o sopão e siga as instruções no verso da embalagem. Enquanto a água do sopão não ferve, descasque as batatas e pique em rodelas finas e jogue na panela. Jogue também o restante do cheiro-verde. Aí fique mexendo até a água borbulhar. Depois disso, coloque em fogo baixo de novo e mexa de vez em quando pra não grudar.


Pronto. Se você confiar nas minhas dicas culinárias, é a hora de comer.


Let’s Rock! >>> The Walkmen - All Hands And The Cook

4 comentários:

juju disse...

mas meu deus...
a batata deve ter ficado dura.. e onde já se viu colocar cheiro verde pra cozinhar...
e tinha congelado na geladeira..
e o macarrão pra sopa.. cara bem mais facil.

e solteiro? não entendi.

Marcelo Urânia disse...

uhauauhhauha

1) não reparei se a batata ficou dura. haha
2) cheiro verde deixou um gostim, então tá valendo.
3) o caldim do sopão é bom. se comprasse macarrão pra sopa, o caldo correria grande risco de ficar ralo.
4) po, se não sou casado, sou solteiro, né. :P mas namorando uma moça bonita. bem bonita. ;*

André Ramiro disse...

hahahahha
faltou a cerveja cabeça!
hahahahah
abs

Paty Selune disse...

q delicia :( deu fome